Qual a função do apêndice ?

Além de causar apendicite? Até há pouco tempo, a resposta seria “para nada”.

Como sem o apêndice as pessoas vivem muito bem, imaginou-se por muito tempo que ele era mesmo inútil e era considerado apenas um órgão vestigial, ou seja, um vestígio da evolução cuja função havia sido perdida com o tempo – praticamente um fóssil em nosso abdome.

Mas, em 2007, cientistas da Universidade Duke, nos EUA, divulgaram que ele serve como depósito de bactérias, que ali se multiplicam. Essas bactérias auxiliam na digestão e ajudam a “quebrar” a comida que ingerimos em moléculas menores, que o nosso organismo é capaz de absorver. A presença dos microorganismos ali acaba também não deixando espaço para a fixação de patógenos invasores.

Além disso, o apêndice também apresenta um conglomerado de células linfóides, que produzem anticorpos e ajudam na defesa do organismo.

Ocorre que durante algumas doenças, como disenteria e cólera, o intestino é afetado, gerando efeitos como as diarréias. Nos casos mais severos, vai embora tudo o que se encontra no intestino, inclusive os microorganismos e as células de defesa do organismo que protegem o órgão, e é ai que entra em ação o apêndice: as bactérias “boas” que vivem de modo seguro e sem perturbações nele são liberadas para recuperar a flora intestinal.

Sendo assim, uma pessoa sem apêndice não ficaria vulnerável a uma infecção? Levando-se em conta que até hoje ninguém verificou efeitos ruins na retirada do apêndice, a resposta provavelmente é não – a medicina moderna já se encarregou de recompor a flora intestinal. 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s